Coronavírus

Internacional Turquia recebe mais 3,5 milhões de doses da vacina chinesa Sinovac

Turquia recebe mais 3,5 milhões de doses da vacina chinesa Sinovac

Imunizante é o único sendo usado no país. Profissionais da saúde já foram vacinados e agora idosos são o grupo prioritário

Turquia recebe mais 3,5 milhões de doses da Sinovac

Turquia recebe mais 3,5 milhões de doses da Sinovac

Willy Kurniawan/Reuters - 14.01.2021

A Turquia recebeu, nesta sexta-feira (29), 3,5 milhões de doses da Sinovac, a vacina chinesa contra a covid-19, a segunda remessa do total de 50 milhões de unidades acordadas entre a Ancara e a empresa.

As autoridades turcas já receberam no dia 29 de dezembro uma primeira remessa de 3 milhões de doses, e na segunda-feira, outra de 6,5 milhões.

Até agora, a Turquia injetou 1,8 milhão de pessoas com o produto Sinovac, o único que está usando atualmente para imunizar a população contra a covid-19.

Os profissionais de saúde foram o primeiro grupo a receber a vacina, e há dois dias começou o processo de imunização das pessoas com mais de 75 anos de idade.

O ministro da Saúde, Fahrettin Koca, disse na última segunda-feira que os carregamentos do medicamento continuarão conforme o acordado, pelo que não haverá atrasos no calendário de vacinação.

A Turquia também assinou um acordo com a Rússia para produzir localmente a Sputnik V, e o governo de Ancara também espera receber a vacina desenvolvida em conjunto pela americana Pfizer e a empresa alemã BioNTech.

Embora o número de casos diários tenha registrado uma tendência de queda sustentada desde os picos em meados de dezembro, o governo alertou para uma recuperação nos últimos dias.

A Turquia registrou ontem 7.279 novas infecções, de acordo com dados da OMS, 16% a mais do que há uma semana.

O número de mortos continua caindo, passando do pico de 259 ocorrido no final de dezembro para 132, ontem.

Os números oficiais do Ministério da Saúde turco falam de 2,45 milhões de infectados e 25.605 mortes desde o início da pandemia.

Últimas