Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ucrânia informa que 313 crianças foram mortas e outras 579 ficaram feridas na guerra

A maioria das vítimas foi encontrada na região de Donetsk, no leste do país, onde morreram ou ficaram feridas 291 delas

Internacional|Do R7


Guerra na Ucrânia deixou pelo menos 313 crianças mortas e outras 579 feridas
Guerra na Ucrânia deixou pelo menos 313 crianças mortas e outras 579 feridas

A Procuradoria-Geral da Ucrânia informou que ao longo da invasão do país pela Rússia, pelo menos 313 crianças morreram e outras 579 ficaram feridas, segundo publicaram nesta quarta-feira (15) agências locais de notícias.

"Até a manhã de 15 de junho de 2022, mais de 892 crianças morreram ou ficaram feridas na Ucrânia, como resultado da agressão armada em grande escala da Rússia. Segundo a informação oficial dos procuradores da infância, 313 crianças foram assassinadas e 579 mais foram feridas", afirmou o órgão.

Os dados, contudo, não são definitivos, segundo destaca a procuradoria, já que há trabalho em curso para determinar as baixas nas áreas de combates ativos, nos territórios ocupados e nos que foram libertados após a retirada das tropas russas.

A maioria das vítimas entre crianças está na região de Donetsk, no leste da ucrânia, onde morreram ou ficaram feridas 291 delas.

Publicidade

Em Khariv, no nordeste, foram 169, de acordo com a Procuradoria-Geral; em Kiev, 116; em Chernihiv, 58; e em Lugansk, 54.

Também há registro de crianças mortas ou feridas na região de Kherson (52); Mykolaiv (48); Zaporizhzhia (30); e Sumy (17).

Publicidade

Leia também

Entre os casos destacados pela Procuradoria-Geral está o da cidade portuária de Mariupol, onde 48 crianças de 4 meses a 17 anos ficaram feridas em um bombardeio russo.

Ainda de acordo com o órgão, 1.985 instituições de ensino ficaram danificadas em ataques e 194 foram totalmente destruídas.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.