Novo Coronavírus

Internacional União Europeia vai mandar oxigênio e materiais para Índia

União Europeia vai mandar oxigênio e materiais para Índia

País vive momento crítico, com sobrecarga de postos de saúde nas regiões mais afetadas e escassez de suprimentos médicos

Índia sofre com falta de oxigênio e medicamentos em hospitais

Índia sofre com falta de oxigênio e medicamentos em hospitais

Amit Dave/Reuters - 25.4.2021

A União Europeia está vendo quais os Estados-membros dispostos a enviar remédios e oxigênio com urgência para a Índia, que há quatro dias consecutivos bate seu próprio recorde de mortes e infecções em meio a uma onda agressiva da pandemia do novo coronavírus.

"Estamos alarmados com a situação epidemiológica na Índia. Estamos prontos para ajudar. A União Europeia está reunindo recursos para responder rapidamente ao pedido de assistência através do Mecanismo Europeu de Proteção Civil", escreveu a Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, no Twitter.

O Comissário Europeu para Gestão de Crises, Janez Lenarcic, observou que o Centro Europeu de Coordenação de Resposta a Emergências já está coordenando os países da UE que estão prontos para enviar rapidamente medicamentos e oxigênio necessários ao país.

“A União Europeia fará tudo o que estiver ao seu alcance para mobilizar ajuda que apoie o povo da Índia”, acrescentou o comissário, que referiu ainda que o país asiático pediu ajuda ao bloco comunitário.

Com 346.786 novos casos confirmados nas últimas 24 horas por seu Ministério da Saúde, a Índia tem os dados de pior disseminação do mundo, superando em muito os Estados Unidos, com 62.399 casos no último dia, e o Brasil, com 69.105.

Prestes a chegar a 17 milhões de casos acumulados, o país vive um momento crítico, com a sobrecarga de postos de saúde nas regiões mais afetadas e a escassez de suprimentos médicos para o tratamento do vírus.

Últimas