Crise na Venezuela

Internacional Venezuela anuncia nova fase de vacinação com 1,3 milhão de doses

Venezuela anuncia nova fase de vacinação com 1,3 milhão de doses

Presidente Nicolás Maduro anunciou que novo carregamento chegou da China, sem falar quantas vacinas e quando

Venezuela afirma que recebeu vacinas vindas da China

Venezuela afirma que recebeu vacinas vindas da China

Marko Djurica/Reuters - 4.5.2021

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou neste domingo (23) uma nova fase de vacinação contra a covid-19 no país a partir da próxima semana, com 1,3 milhão de doses que, segundo ele, chegaram "recentemente" da China, sem especificar a data de envio.

Maduro, que fez a declaração na emissora estatal de televisão VTV, não revelou o total de vacinas que o país tem à disposição após a chegada do novo carregamento, um dado sobre o qual autoridades venezuelanas têm dado números contraditórios.

De acordo com os dados fornecidos pelo próprio presidente na última vez em que falou dos números, no final de abril, 930 mil doses teriam sido recebidas até então, mas o ministro da Saúde, Carlos Alvarado, afirmou um dia depois que a Venezuela tinha 1,48 milhão de doses, sem mencionar a origem ou a data de chegada ao país.

Desde então, o governo não informou a chegada de novas vacinas ou números, nem apresentou um plano de vacinação, conforme exigido pela oposição e associações de médicos e trabalhadores da saúde.

Na nova fase de imunização espera-se que continuem sendo vacinadas, segundo o presidente, pessoas com mais de 60 anos, ou com menos desde que tenham a saúde comprometida por duas ou mais doenças graves ou crônicas.

Últimas