'Atirador da Flórida matou crianças', diz sobrevivente brasileira

Kemily dos Santos Duchini, de 16 anos, estuda na escola Stoneman Douglas High School. O local foi palco do massacre da última quarta-feira (14), que terminou com a morte de 17 pessoas após o atirador Nikolas Cruz, de 19 anos, invadir o local.

Em entrevista exclusiva ao R7, Kemely revela, ao lado da mãe, Fabiana Santos, que perdeu um amigo na tragédia: “É muito triste, porque era uma pessoa que você via todo o dia, você trocava assunto".

A estudante também relatou que a maior parte das vítimas é de crianças. "São pessoas inocentes, meninas pequenininhas que acabaram de começar o ensino médio, que vieram para a escola com medo. Porque o ensino médio é onde tem aluno maior, quando começa o bullying, aí isso acontece", afirmou