Internacional Autor de ataque em sinagoga alemã agiu sozinho e por extremismo

Autor de ataque em sinagoga alemã agiu sozinho e por extremismo

O ataque cometido nos arredores de uma sinagoga no leste da Alemanha, no qual morreram duas pessoas, foi cometido por apenas uma pessoa, um alemão de 27 anos que agiu por motivos antissemitas ou ultradireitistas, segundo a revista "Der Spiegel".

O autor do ataque tentou entrar no centro religioso fortemente armado e, como não conseguiu, realizou vários disparos indiscriminadamente na rua e em um estabelecimento de fast-food turco, onde matou um homem e uma mulher.