Internacional Violência doméstica na Rússia: 'Meu marido cortou minhas mãos com um machado'

Violência doméstica na Rússia: 'Meu marido cortou minhas mãos com um machado'

Em vídeo, Margarita Gracheva conta sobre as agressões sofridas e o ataque que terminou com a amputação de parte de seus dois braços

Violência doméstica na Rússia: 'Meu marido cortou minhas mãos com um machado'

    • Internacional
    • por
      BBC NEWS BRASIL
Margarita Gracheva teve as duas mãos cortadas

Margarita Gracheva teve as duas mãos cortadas

BBC

Em dezembro de 2017, depois de deixar os filhos do casal no berçário, Dmitry Grachev, então marido de Margarita Gracheva, 26, a levou até uma floresta nos arredores de Moscou.

Então, ele a prendeu e cortou as duas mãos da esposa com um machado, porque achava que ela o estava traindo.

Antes desse episódio de violência acontecer, Gracheva já havia denunciado outra ameaça do então marido à polícia.

Em 2017, a Rússia abrandou sua lei de violência doméstica, e ativistas temem que os casos de agressões a mulheres já estejam aumentando.

Alguns episódios de violência passaram a ser punidos apenas com multas.