Série do Jornal da Record mostra a pior seca dos últimos cem anos no Nordeste  

A Grande Seca vai ao ar a partir desta segunda-feira (20), às 21h40

Do R7

Estiagem já dura cinco anos em alguns lugares
Estiagem já dura cinco anos em alguns lugares Divulgação/Record TV

O Brasil vive a pior seca dos últimos cem anos, situação que pode se agravar nos próximos dois meses. O Jornal da Record percorreu o interior do Rio Grande do Norte, Paraíba, Ceará, Piauí e Pernambuco, os cinco estados mais atingidos pela longa estiagem que caminha para o sexto ano para realizar a série A Grande Seca, que estreia nesta segunda-feira (20). As reportagens serão exibidas em cinco episódios, até sexta-feira.

Ao longo do caminho da seca, 2,5 mil km de histórias de vida e de luta no coração do Nordeste. O repórter Fábio Menegatti e o cinegrafista André Cunha mostram a terra dos cajus, em que a árvore que dá o fruto virou lenha, e ainda encontram comunidades fantasmas, abandonadas por quem fugiu da seca.

Para aqueles que ficaram, restou o drama da falta de comida. E em alguns lugares, a água só chega uma vez por semana e, muitas vezes, não é apropriada para o consumo

No sertão, os açudes secaram e os animais morrem de sede e de fome. Nem mesmo as plantações mais resistentes à estiagem suportam a falta de água. 

O editor é o Eduardo Prestes e a produtora Rosana Mamani. A Grande Seca vai ao ar no Jornal da Record a partir desta segunda-feira (20) às 21h40. Não perca!

  • Espalhe por aí:

Vídeos

Carregando

Twitter

X
Enviar por e-mail
(todos os campos marcados com * são obrigatórios)
Preencha os campos corretamente.
Mensagem enviada com sucesso!
Access log
Access log