Celso de Mello deve decidir nesta segunda (18) se divulga vídeo de reunião ministerial

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, deve decidir nesta segunda-feira (18) se vai ou não tirar o sigilo da gravação da reunião ministerial, que ocorreu no dia 22 de abril, no Palácio do Planalto. Essa reunião é um dos pontos chave do inquérito que investiga se há ou não interferência na Polícia Federal por parte do presidente Jair Bolsonaro. Segundo o ex-ministro Sergio Moro, o encontro seria uma prova desta interferência. Para esta semana na Polícia Federal estão previstos mais quatro depoimentos de delegados que vão ajudar a compor o processo aberto pelo STF, a pedido da Procuradoria Geral da República. Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda uma versão exclusiva para o digital.