Boletim JR 24H Passageiros da ponte aérea Rio-São Paulo começam a fazer o embarque por leitura facial

Passageiros da ponte aérea Rio-São Paulo começam a fazer o embarque por leitura facial

Nova tecnologia, que dispensa o bilhete e a carteira de identidade, deve entrar em operação em julho

A ponte aérea Rio-São Paulo será o primeiro trecho do país a ter embarque digital. A nova tecnologia deve entrar em operação em julho. Passageiros e tripulantes nos aeroportos Santos Dumont, no Rio, e Congonhas, em São Paulo, terão acesso ao embarque apenas com a leitura facial. Tanto bilhete quanto carteira de identidade não serão mais solicitados. O cadastro facial será feito no check-in. A medida deve tornar a operação nos aeroportos mais segura e rápida.

Veja também nesta edição do Boletim JR 24H: Mais dois voos com brasileiros deportados dos Estados Unidos chegam ao Brasil.

Últimas