Boletim JR 24H Pesquisadores de SP testam veneno de cobra contra o coronavírus

Pesquisadores de SP testam veneno de cobra contra o coronavírus

Proteína encontrada no veneno da jararacuçu pode inibir a multiplicação do vírus

Pesquisadores da Universidade Estadual Paulista estudam a eficácia do veneno da cobra jararacuçu, comum no Brasil, para inibir a multiplicação do coronavírus. Um pedaço de proteína do veneno, aplicado em células infectadas em macacos, mostrou que a capacidade de reprodução do vírus caiu em até 75%.

Veja também nesta edição do Boletim JR 24h: Augusto Aras é aprovado na sabatina do Senado.

Últimas