JR na TV Aglomeração Permitida: motoristas e cobradores de ônibus sofrem com risco constante de contaminação

Aglomeração Permitida: motoristas e cobradores de ônibus sofrem com risco constante de contaminação

A letalidade da doença entre esses profissionais é de 9,5%, três vezes maior do que a média geral da cidade de São Paulo

Só na cidade de São Paulo, foram 1.373 casos de contaminação de cobradores e motoristas em um ano de pandemia. Já foram registradas 131 mortes. A letalidade da doença entre esses profissionais é de 9,5%, três vezes maior do que a média geral do município. O Jornal da Record ouviu os trabalhadores, que convivem com o medo, além do luto pelos colegas que perderam para a covid-19.

Últimas