JR na TV Alexandre de Moraes afasta delegado que investigava suposta interferência de Bolsonaro na PF

Alexandre de Moraes afasta delegado que investigava suposta interferência de Bolsonaro na PF

Segundo o ministro, Felipe Leal extrapolou suas funções como delegado

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, determinou o afastamento do delegado Felipe Leal das investigações sobre a suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal. O ministro considerou que o delegado extrapolou as suas funções. Na decisão, ele também anulou atos administrativos do atual diretor-geral da corporação, Paulo Gustavo Maiurino. Segundo Moraes, informações que foram solicitadas pelo delegado Felipe Neal não têm qualquer relação com o inquérito.

Últimas