Aplicativo TikTok é acusado de enviar dados de usuários para servidores na China

O aplicativo, usado inclusive por celebridades, já foi baixado por 1,5 bilhão de pessoas. Segundo uma ação na Justiça dos EUA, ele vem pré-instalado com um software de vigilância da China, que viola as leis de privacidade, dados e proteção ao consumidor. Por medida de segurança, países como os EUA e a Australia já proibiram integrantes do exército de usar o TikTok.

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda uma versão exclusiva para o digital.