Brasil deve se tornar um dos produtores mundiais da vacina contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford

A empresa Astrazeneca, parceira da Universidade de Oxford, negocia um acordo para a produção da vacina no Brasil. O país seria responsável por abastecer toda a América Latina. Cerca de 10 mil voluntários participam das pesquisas. 

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda esta versão que é exclusiva para o digital.