Caso de estudante picado por naja desencadeia denúncias e devoluções de animais exóticos

O caso do jovem atacado por uma cobra venenosa e estrangeira acabou gerando mais de R$ 200 mil em multas aplicadas pelo Ibama. Foram R$ 61 mil para o estudante Pedro Henrique Krambeck, punido por maus-tratos e por manter uma serpente que não pertence à fauna brasileira em cativeiro e sem autorização. O caso inusitado chamou a atenção do país e desencadeou outras ocorrências de denúncias e até a sensibilização de criadores ilegais. Em uma semana, o Ibama recebeu mais de 30 serpentes e vários animais exóticos estão sendo resgatados.