JR na TV Corpo de motorista de aplicativo é encontrado quatro dias depois do desaparecimento em SP

Corpo de motorista de aplicativo é encontrado quatro dias depois do desaparecimento em SP

O final do ano de 2020 ficou marcado como um dos mais violentos para os motoristas de aplicativo. No último mês de dezembro, só no estado de São Paulo, quatro motoristas foram mortos. A última vítima foi Roger Ferreira da Silva, de 35 anos, que ficou desaparecido por quatro dias até seu corpo ser encontrado. Indícios apontam que o motorista foi torturado pelos bandidos antes de ser assassinado.

Últimas