CPI da Covid

JR na TV CPI da Pandemia ouve empresário que teria presenciado pedido de propina por vacinas

CPI da Pandemia ouve empresário que teria presenciado pedido de propina por vacinas

No depoimento, Ricardo Santana  passou de testemunha a investigado pouco depois de começar a responder às perguntas dos senadores

Ricardo Santana prestou depoimento à CPI da Pandemia nesta quinta (26) e passou de testemunha a investigado pouco depois de começar a responder às perguntas dos senadores. O nome dele apareceu pela primeira vez na CPI quando o policial Luiz Paulo Dominguetti, que dizia ter 400 milhões de doses de vacinas para negociar, foi até um restaurante oferecer os imunizantes ao então diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Dias. Segundo Dominguetti, Ricardo Santana teria presenciado Roberto Dias pedir propina de um dólar por cada dose de vacina vendida ao governo. Também chamou a atenção da CPI a trajetória profissional de Ricardo Santana nos últimos dois anos, já que ele deixou o cargo de secretário executivo da Anvisa para trabalhar, informalmente, no Ministério da Saúde, sem remuneração, a convite de Roberto Dias.

Últimas