Defesa do ex-presidente Lula diz que ele não cumprirá regime semiaberto

Segundo a defesa de Lula, o ex-presidente não pretende deixar a prisão para cumprir o restante da pena em regime semiaberto. Os advogados justificaram que uma decisão do STF garante ao petista o direito de ficar numa cela na superintendência da PF, em Curitiba, até o julgamento de habeas corpus que pede a anulação da sentença. 

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda uma versão exclusiva para o digital.