JR na TV Deputado afirma ter informado Bolsonaro sobre denúncias de irregularidades na compra da Covaxin

Deputado afirma ter informado Bolsonaro sobre denúncias de irregularidades na compra da Covaxin

Parlamentar teria contado que o irmão, servidor do Ministério da Saúde, era pressionado por superiores para liberar a Covaxin das obrigações previstas em contrato

O deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) afirma que foi ao Palácio do Alvorada, no dia 21 de março, para alertar ao presidente Jair Bolsonaro sobre possíveis irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin. O parlamentar teria contado que o irmão, servidor do Ministério da Saúde, era pressionado por superiores para liberar a Covaxin das obrigações previstas em contrato. Todo o material será apresentado à CPI da Pandemia na sexta-feira (25). O contrato do Ministério da Saúde prevê a compra de doses da Covaxin por um preço 1.000% maior.

Últimas