JR na TV Desembargador que humilhou guarda em Santos (SP) terá que indenizar o servidor

Desembargador que humilhou guarda em Santos (SP) terá que indenizar o servidor

Eduardo Siqueira deverá pagar R$ 20 mil de indenização por danos morais

O desembargador que insultou um guarda municipal do litoral de São Paulo foi condenado a pagar uma indenização ao servidor que foi humilhado. No ano passado, Eduardo Siqueira foi flagrado insultando o guarda municipal que o multou por caminhar na praia sem máscara. O magistrado chamou o profissional de "analfabeto" e ainda rasgou a multa. A justiça entendeu que a postura teve potencial para humilhar e menosprezar o guarda. O desembargador deverá pagar R$ 20 mil de indenização por danos morais.

Últimas