JR na TV Duas mulheres são presas suspeitas de aplicar o 'golpe do aborto' em Goiânia

Duas mulheres são presas suspeitas de aplicar o 'golpe do aborto' em Goiânia

A polícia de Goiânia prendeu duas mulheres suspeitas de aplicarem o golpe do aborto. Ranielle da Silva se relacionou com um empresário e alegou que estava grávida e precisava do dinheiro para abortar. O homem pagou a uma suposta médica – que estava no esquema junto com Ranielle – o valor do procedimento e, durante dois anos, foi extorquido. A dupla ameaçava revelar o aborto e pedia cada vez mais dinheiro. O empresário confessa ter depositado quase R$ 400 mil ao longo de 24 meses.

Últimas