Estudo mostra que quem já pegou coronavírus pode se infectar de novo

Um estudo realizado no Brasil concluiu que uma pessoa curada da covid-19 pode ser infectada pelo vírus uma segunda vez. A repetição do contágio é considerada raríssima. Com o caso registrado no país, são dois em todo o mundo. Um dos registros foi em Ribeirão Preto e o outro em Boston, nos Estados Unidos.