JR na TV Estudo mostra que superendividamento atinge 17% das pessoas em São Paulo e no Rio

Estudo mostra que superendividamento atinge 17% das pessoas em São Paulo e no Rio

37% têm ao menos uma dívida em atraso e, de cada 10 pessoas com débitos, 9 sentem que as cobranças ficaram mais intensas desde o início da pandemia

De acordo com especialistas, o superendividamento acontece quando a pessoa acumula tantos débitos que já não consegue pagar sequer as contas básicas do dia-a-dia, como aluguel e transporte. Um estudo feito com 500 pessoas nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro mostra que 17% estão superendividadas, 37% têm ao menos uma dívida em atraso e, de cada 10 pessoas com débitos, 9 sentem que as cobranças ficaram mais intensas desde o início da pandemia.

Últimas