JR na TV Exclusivo: relatório da polícia de SP mostra proximidade entre dois chefões do crime organizado

Exclusivo: relatório da polícia de SP mostra proximidade entre dois chefões do crime organizado

Um relatório da Polícia Civil de São Paulo, obtido com exclusividade pela Record TV, mostra o relacionamento próximo entre dois chefões do crime organizado. Segundo o documento, um posto de saúde em Arujá era o elo entre os dois. Anderson Lacerda, conhecido como Gordão, controlava o acesso de integrantes da quadrilha no centro de saúde "Vida Mais Vida".  De acordo com as investigações, Giovani Barbosa, chamado de ‘Bonitão’, deu entrada na unidade na madrugada do dia 30 de novembro de 2017. O criminoso havia levado um tirou no joelho e percorreu 47 quilômetros até o posto para receber atendimento. O ferido e dois funcionários que ajudaram o criminoso na época foram presos. Bonitão foi preso novamente, no Paraguai, e extraditado para o Brasil no último domingo (10). Ele controlava as ações da facção criminosa no país vizinho.

Últimas