Garoto de 11 anos que comeu marmita envenenada não consegue falar nem reconhece ninguém

Em Taboão da Serra, na Grande São Paulo, Fabio Abraão segue internado após ter ingerido uma marmita contaminada com veneno de rato. Atualmente, ele consegue abrir os olhos, se mexer um pouco, mas ainda não reconhece ninguém. A polícia ainda investiga o local onde as marmitas teriam sido envenenadas. Suspeita-se que isso tenha ocorrido dentro do posto de combustíveis onde os moradores ficavam.