Irã ignora protestos e executa lutador condenado à morte

David Afkari foi condenado à morte em 2018 pelo assassinato de um segurança. Defesa alega que não havia provas contra ele.