JR na TV Justiça confirma demissão por justa causa de funcionária de hospital que se recusou a tomar vacina

Justiça confirma demissão por justa causa de funcionária de hospital que se recusou a tomar vacina

Para o TRT, interesse particular do funcionário não pode prevalecer sobre o coletivo

A justiça confirmou uma demissão por justa causa de uma auxiliar de limpeza de um hospital que se recusou a tomar vacina. Pelo entendimento do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo o interesse particular do funcionário não pode prevalecer sobre o coletivo.

Últimas