JR na TV Mesmo na fase emergencial, trabalhadores enfrentam transporte público lotado em SP

Mesmo na fase emergencial, trabalhadores enfrentam transporte público lotado em SP

Aglomerações são flagradas nos ônibus, trens e metrôs, seja dentro dos veículos ou nas plataformas de embarque

Na hora do rush, de manhã, fim de tarde e começo da noite, fica difícil acreditar que a maior cidade do país, epicentro da pandemia no Brasil, esteja vivendo medidas restritivas severas para conter o coronavírus. Aglomerações são flagradas nos ônibus, trens e metrôs, seja dentro dos veículos ou nas plataformas de embarque. Segundo um especialista em Direito Público consultado pela reportagem, a prefeitura pode exigir das empresas concessionárias do transporte público o aumento da frota para diminuir as aglomerações diárias.

Últimas