Ministra Damares Alves anula declaração de anistia política de quase 300 pessoas

O Supremo Tribunal Federal autorizou o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos a fazer revisão da anistia de 2.500 ex-cabos da aeronáutica. 295 foram anuladas porque, segundo o Ministério, não há comprovação da existência de perseguição exclusivamente política para a concessão das anistias.

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda esta versão que é exclusiva para o digital.