Missão brasileira chega ao Líbano com ajuda humanitária

Pela primeira vez desde a explosão da semana passado no porto de Beirute, o Parlamento do Líbano se reuniu e estendeu o estado de emergência. A maior parte da cidade ainda está em ruínas e cerca de 70 mil casas e prédios foram danificados. O ex-presidente do Michel Temer já está no país como chefe da missão de ajuda humanitária oferecida pelo Brasil. Um avião da Força Aérea levou uma carga de medicamentos, comida e insumos para socorrer as vítimas da explosão.