JR na TV Morte de George Floyd: ex-policial é sentenciado a 22 anos e meio de prisão pelo crime

Morte de George Floyd: ex-policial é sentenciado a 22 anos e meio de prisão pelo crime

Condenação é uma das maiores aplicadas a um ex-policial nos Estados Unidos

Nos Estados Unidos, o ex-policial Derek Chauvin foi sentenciado a 22 anos e meio de prisão pela morte de George Floyd. O ex-policial falou pela primeira vez e ofereceu condolências à família do ex-segurança. A sentença é uma das maiores já aplicadas a um ex-policial no país. O juiz afirmou que não agiu por emoção, mas pela lei. Em abril, Chauvin foi declarado culpado em três denúncias por homicídio não intencional, mas a pena ainda não estava definida. Antes de pedir liberdade condicional, Chauvin deve ficar preso por ao menos 14 anos.

Últimas