JR na TV MPF vê indícios de crime em compra de vacinas da Covaxin pelo Ministério da Saúde

MPF vê indícios de crime em compra de vacinas da Covaxin pelo Ministério da Saúde

Doses do imunizante custariam mais de 1.000% acima do preço inicial informado pelo fabricante

O Ministério Público pediu investigações sobre um contrato de compra, pelo Ministério da Saúde, de doses da vacina indiana Covaxin, que custariam mais de 1.000% acima do preço inicial informado pelo fabricante. A encomenda teria acontecido durante a gestão de Eduardo Pazuello. Segundo documento em posse do MP, o contrato de R$ 1,6 bilhão tinha o preço negociado de 15 dólares por dose. Seis meses antes, a própria farmacêutica havia estimado o preço de 1,34 dólar por dose. O Ministério da Saúde afirmou que o pagamento dos imunizantes só seria realizado após a entrega das doses contratadas, o que não ocorreu.

Últimas