JR na TV Oito meses após pico da pandemia, Grande SP tem menos de mil pacientes com covid em UTIs

Oito meses após pico da pandemia, Grande SP tem menos de mil pacientes com covid em UTIs

Para o infectologista Renato Kfouri, os índices cada vez mais baixos de contaminação têm relação direta com a vacinação

As cidades da Grande São Pulo registraram pela primeira vez em oito meses menos de mil pacientes internados com a covid-19 em leitos de terapia intensiva. No auge da crise, há oito meses, a região metropolitana, a Baixada Santista e o interior paulista chegaram a ter oito vezes mais pacientes em leitos de UTI. Em Ribeirão Pires, por exemplo, 40 pacientes morreram à espera de uma vaga. Para o infectologista Renato Kfouri, os índices cada vez mais baixos de contaminação têm relação direta com o avanço da vacinação.

Últimas