Polícia investiga relação de Paes com o 'homem do dinheiro' do suposto esquema de Witzel

Enquanto investigava o governador afastado, Wilson Witzel, a polícia encontrou fotos em que o ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, aparece em visita ao ex-pró-reitor da Universidade Iguaçu, José Carlos Melo, que está preso. Ele foi acusado como o responsável por intermediar contratos do governo do Rio que envolveram repasse de propina. Paes não é alvo do processo, mas é réu por lavagem de dinheiro, corrupção passiva e falsidade ideológica.