JR na TV Por apagão, Justiça determina pagamento de duas parcelas do auxílio emergencial à população do Amapá

Por apagão, Justiça determina pagamento de duas parcelas do auxílio emergencial à população do Amapá

A Justiça estendeu em sete dias o prazo para que a energia seja totalmente reestabelecida no Amapá. Caso o prazo não seja cumprido, já foi fixada multa de 50 milhões de reais. A expectativa é de que, apenas no próximo domingo (15), 12 cidades tenham 24 horas ininterruptas de energia elétrica para não afetar as eleições municipais. Enquanto isso, na capital Macapá, o rodízio seguirá. Além disso, foi determinado que a população afetada pelo apagão receba mais duas parcelas do auxílio emergencial. Na noite desta sexta (13), cerca de mil pessoas saíram às ruas de Macapá para protestar contra a demora para resolver a situação.

Últimas