Presidente Bolsonaro inaugura hospital de campanha em Goiás

A ideia é que o hospital receba pacientes em tratamento contra o coronavirus. O hospital de campanha tem capacidade para 200 leitos, mas vai começar a funcionar com 60 vagas, 20 de UTI. A unidade foi construída pelo governo federal e equipada pelo governo de goiás. No discurso, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, fez elogios ao presidente. Nesta sexta-feira (5), o presidente ainda participou de encontro com o Conselho de Ministros Evangélicos. 12 líderes evangélicos estavam presentes no evento no Palácio do Planalto. O bispo Eduardo Bravo representou a União Nacional das Igrejas e Pastores Evangélicos, a Unigrejas, e a Igreja Universal.

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda esta versão que é exclusiva para o digital.