Presidente da Petrobras afirma que companhia não vai ter demissões em massa

O presidente da Petrobras disse que a principal preocupação é com a saúde dos funcionários e com a sobrevivência da companhia. Roberto Castello Branco afirmou que a estatal não cogita demissões em massa, mas que não pode responder pelos trabalhadores terceirizados. Atualmente, a empresa tem quatro programas ativos de desligamento voluntário.

Confira nas multiplataformas do Jornal da Record os quatro boletins diários que vão ao ar também na Record TV e ainda uma versão exclusiva para o digital.