Lorena Conheça o projeto de reflorestamento da Amazônia

Conheça o projeto de reflorestamento da Amazônia

Um projeto inédito de reflorestamento está sendo feito no Estado do Pará. A startup "Mumbak", especialista em preservação ambiental...

Lorena - Notícias
Conheça o projeto de reflorestamento da Amazônia

Conheça o projeto de reflorestamento da Amazônia

Lorena - Notícias

Uma fazenda no Estado do Pará, com cerca de três mil hectares, espaço equivalente a mais de três mil campos de futebol; recebe um dos maiores projetos de remoção de carbono do mundo. Este projeto inédito avaliado em US$ 100 milhões, será pioneiro no Brasil.  A startup brasileira “Mombak”, especializada em preservação ambiental começou a colocar em prática o projeto cujo objetivo é promover a remoção de carbono e reflorestar áreas desmatadas na Amazônia. 

Atualmente, 50 bilhões de toneladas de gases de efeito estufa são produzidos por ano; o objetivo é de que esse número caia para 10 bilhões desde o acordo de Paris feito em 2015. Para e controlar o avanço do aquecimento global, será necessário remover da atmosfera todo ano parte desses gases, a fim de garantir a neutralidade de carbono até 2050. 

A startup planta árvores nas terras que compram, e fazem parcerias rurais. Gerando receita com a venda de créditos de carbono. As empresas que precisam compensar a emissão de gases de efeito estufa, efetuam a compra desses créditos. 

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Plantio de árvores já chegou á 123 mil mudas (Foto:Reprodução/ CNN)

Antigamente o investimento em restauração ambiental era somente filantrópico, hoje em dia gera receita e se tornou atrativo. “Agora, os investidores têm retorno financeiro e isso aumenta o interesse, consequentemente beneficiando a natureza e combatendo o aquecimento global”, diz Peter. 

A ideia da Mombak que tem como fundadores o norte-americano Peter Fernandez e o brasileiro Gabriel Haddad, é plantar três milhões de árvores pelos próximos 11 meses, de 68 espécies diferentes. Em quatro semanas, plantaram 123 mil mudas tendo 40 pessoas trabalhando no local, a produção tem sido em escala industrial. 

A lei brasileira manda que as fazendas tenham 50% de áreas com florestas, e segundo Peter, o Brasil tem milhares de terras com essas características. “A maior oportunidade de reflorestamento e remoção de carbono está aqui”, diz ele.  

Foto Destaque: Projeto visa reflorestar a Amazônia
Reprodução/ Revista Exame.

Últimas