Lorena Fumaça dos incêndios florestais canadenses ameaça Estados Unidos novamente

Fumaça dos incêndios florestais canadenses ameaça Estados Unidos novamente

Alerta! Fumaça tóxica do Canadá está invadindo os EUA novamente, colocando a saúde dos residentes em risco. Descubra as cidades afetadas...

Lorena - Notícias
Fumaça dos incêndios florestais canadenses ameaça Estados Unidos novamente

Fumaça dos incêndios florestais canadenses ameaça Estados Unidos novamente

Lorena - Notícias

Uma nuvem de fumaça proveniente dos incêndios florestais no Canadá está novamente afetando os Estados Unidos, causando preocupação entre os residentes. No último dia 7, uma densa névoa obscureceu os céus de inúmeras cidades canadenses e norte-americanas. Agora, Chicago e grande parte do Norte da região Meio-Oeste estão encobertos pela fumaça, afetando a qualidade do ar na área.

Na manhã desta quarta-feira (28), uma névoa de fumaça envolveu Chicago e vastas áreas do Norte da região Meio-Oeste. Esse fenômeno segue um declínio repentino na qualidade do ar registrado no dia anterior, que levou muitos residentes do meio-oeste americano a usar máscaras ao sair de casa. Outras importantes cidades como Detroit, Indianápolis, Cleveland e Milwaukee também enfrentarão índices perigosos de qualidade do ar ao longo do dia.

A cidade de Nova York também não escapou dos impactos da fumaça canadense. Ontem, a governadora do estado, Kathy Hochul, emitiu um alerta, instando os nova-iorquinos a tomarem precauções devido à poluição do ar, que atingiu níveis insalubres e perigosos. O prefeito da cidade chegou a recomendar o uso de máscaras para todos os nova-iorquinos. A fumaça proveniente dos incêndios florestais no Canadá já persiste há meses e chegou até mesmo à Europa, com relatos de céus laranjas na cidade de Vigo, na Espanha. Satélites registraram o deslocamento da fumaça através do Oceano Atlântico.

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias
No início de junho, os moradores de Nova York já tinham se deparado com a fumaça dos incêndios no Canadá (Foto: reprodução/Angela Weiss/AFP)

Desta vez, a fumaça que afeta as cidades americanas foi trazida por um sistema de tempestades que está se movendo em direção ao Leste e, embora com menor intensidade, ainda representa um risco para a qualidade do ar. No momento, a concentração da fumaça é maior nos estados próximos à fronteira com o Canadá, sendo Detroit a cidade mais afetada em termos de qualidade do ar. Além disso, Pittsburgh e Chicago também estão enfrentando uma classificação de qualidade do ar muito prejudicial à saúde.

Foto destaque: Fumaça causadas por incêndios ambientais do Canadá. Reprodução/AP/Paul Sancya

Últimas