Lorena Locais dos avistamentos de ovnis nos últimos dias

Locais dos avistamentos de ovnis nos últimos dias

Após balão chinês acusado de espionagem ser abatido nos EUA, outros avistamentos de óvnis foram registrados em vários países. Eventos...

Lorena - Notícias
Locais dos avistamentos de ovnis nos últimos dias

Locais dos avistamentos de ovnis nos últimos dias

Lorena - Notícias

Após os EUA abater um Óvini no dia 4 de fevereiro, sendo posteriormente identificado como um balão chinês, diversos outros avistamentos foram registrados dentro e fora do território norte-americano. O Governo dos Estados Unidos acusa os chineses de praticarem espionagem e considera a possibilidade dos objetos voadores encontrados em seguida serem fragmentos do balão. Confira as outras aparições:

Carolina do Sul - Estados Unidos

Aeronaves americanas abateram objeto voador que sobrevoou áreas de segurança por 5 dias. Pentágono (Ministério de segurança dos EUA) identificou o objeto voador com origem chinesa e acusou de espionagem. Pequin nega a versão e afirma se tratar de pesquisa meteorológica.

Colômbia

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Foto de vídeo de objeto voador visto na Colombia - Luís Armando Toloza Calvo (Reprodução/Redes sociais)

Governo registrou avistamento de objeto voador semelhante ao balão chinês abatido nos EUA, mas não o destruíram, já que não consideraram ameaça.

Alasca - Estados Unidos

No dia 10 de fevereiro, aeronaves militares dos EUA derrubaram um objeto voador do tamanho de um carro pequeno após considerarem a altura em que voava perigosa para a aviação civíl. O objeto estava sem piloto e voava a a uma altitude de 40.000 pés (12.192 km).

Yucon - Canadá

Em 11 de fevereiro, autoridades canadenses anunciaram que destruíram, com auxílio das forças militares dos EUA,  objeto voador cilíndrico em altas altitudes sobre a cidade de Yukon.

Lago Huron - Estados Unidos

em 12 de fevereiro, forças militares dos EUA destruíram mais um objeto voador, sendo o terceiro não identificado em um período de três dias e o quarto contando com o balão chinês. O objeto foi descrito como octogonal e de risco para aviação civil, já que voava a uma altitude de 6.100 metros. O governo americano continua com a hipótese de tratar-se espionagem

Rizhao - China

Ainda no dia 12 de fevereiro, mesmo dia do quarto objeto voador visto nos EUA, autoridades de Shandong, leste da China, registraram o avistamento de um objeto voador não identificado sobrevoando o mar perto da cidade de Rizhao. A China também acusa os norte-americanos de espioná-los com balões durante o ano de 2022.

Paysandú - Uruguai

No sábado, o governo uruguaio recebeu denúncias de objetos voadores não identificados emitindo luzes intermitentes no céu de Termas de Almirón, região que faz fronteira com a Argentina. O governo investiga e considera ser mentira ou fenômeno natural.

Foto destaque: Balão chinês derrubado pelos EUA (4). — Foto: Randall Hill/Reuters

Últimas