Lorena Ossos humanos foram encontrados nos arredores do Palácio do Planalto

Ossos humanos foram encontrados nos arredores do Palácio do Planalto

O corpo foi achado numa via que passa atrás da sede do Governo Federal, próximo a Vila do Planalto, durante um treinamento do Gabinete...

Lorena - Notícias
Ossos humanos foram encontrados nos arredores do Palácio do Planalto

Ossos humanos foram encontrados nos arredores do Palácio do Planalto

Lorena - Notícias

A Polícia Militar encontrou nesta quinta-feira (9), em uma área próxima ao Palácio do Planalto, em Brasília, um corpo. De acordo com os responsáveis pela situação, os ossos foram encontrados durante um treinamento do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). 

Os policiais estão procurando a possível razão para a morte do indivíduo. Além disso, eles informaram que no local foram encontrados com a vítima, uma carteira e um celular. Os peritos também informaram que estão se movimentando para descobrir a quanto tempo o morto estava naquela mata. Os ossos foram recolhidos e levados ao Instituto Médico Legal (IML).  

A dúvida que paira no ar é se a área que o corpo foi encontrado se trata de segurança nacional já que fica a poucos metros do Planalto. Se a resposta for não, de qualquer forma é necessário investigar a razão de um corpo aparecer em uma área tão protegida, ou pelo menos que teoricamente deveria ser protegida. Se sim, toda a área que circunda o Planalto é de responsabilidade da Segurança Nacional, então, teremos uma fenda na armadura. É impensável uma área que deveria estar totalmente vigiada e protegida, ser surpreendida por um corpo de alguém que não se sabe quem é (mesmo que soubesse ainda é um problema) e nem quando chegou ali, se foi jogado ou se morreu na área.

{slide} 

Houve um questionamento ao GSI quanto a esse respeito, no entanto, nenhuma resposta foi enviada. O GSI nada mais é do que o serviço secreto do presidente da República. O Gabinete de Segurança Institucional é o órgão responsável pela assistência imediata e direta ao líder do país. Eles têm por responsabilidade assessorar ele em assuntos militares e de segurança.  

A polícia afirmou que a ossada não está no local há muito tempo. Como o local é totalmente aberto, o processo de decomposição do corpo é muito mais acelerado e, claro, a ação de objetos externos, como animais, contribuem para a mudança do cenário em que a morte aconteceu. Por isso, as investigações que conduzem o caso precisam ser feitas com cuidado e no devido tempo para que tudo se esclareça. 

Foto destaque: O Palácio do Planalto (Reprodução\Poder 360) 

Últimas