Lorena Polícia é acionada após filho enviar carta com pedido de socorro para a mãe

Polícia é acionada após filho enviar carta com pedido de socorro para a mãe

Menino de 10 anos salva mãe mantida em cativeiro e agredida pelo marido. Veja o desfecho emocionante dessa história chocante em Paraíso...

Lorena - Notícias
Polícia é acionada após filho enviar carta com pedido de socorro para a mãe

Polícia é acionada após filho enviar carta com pedido de socorro para a mãe

Lorena - Notícias

Um menino de 10 anos conseguiu ajudar sua mãe que era mantida presa e agredida pelo esposo, o socorro veio após a criança levar uma carta com um pedido de ajuda para a escola, em Paraíso das Águas, Mato Grosso do Sul. Assim que a direção da escola tomou conhecimento sobre o pedido de socorro, foi acionada a polícia de Água Clara, que prendeu o suspeito em flagrante na última terça-feira (27/06).

"Bom dia, é a mãe do ***, estou entrando em contato com vocês porque preciso muito de ajuda. Sou vítima de violência doméstica. Ontem o meu companheiro me agrediu novamente, meu filho entrou na frente pedindo para ele não me bater e ele bateu no meu filho também", escreveu a vítima de agressão doméstica em carta enviada à escola. 

Segundo informações, a mãe da criança escreveu a carta com um pedido de ajuda e enviou através do filho de dez anos, pedindo que fosse entregue à diretora do colégio. Com o pedido de socorro em mãos, a diretora acionou a polícia e todas as medidas do caso foram iniciadas. 

A polícia juntamente com o conselho tutelar e a coordenadoria da mulher foram até a área rural de água clara e encontraram a vítima em situação de cárcere privado com várias marcas de agressão doméstica. A mulher afirmava estar refém do próprio marido e era submetida a várias ameaças. 

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Lorena - Notícias

Local onde a vítima se encontra em cárcere (Foto/Reprodução: PolíciaCivil - MS)

"Ele me ameaçou de dar um tiro por isso preciso que me ajudem o mais rápido possível", relatou a mãe do menino. 

No local em que a vítima era mantida em cativeiro, a polícia civil prendeu o suspeito em flagrante. Ele responderá pelos crimes de cárcere privado e porte irregular de arma de fogo, pois na fazenda em que ocorreu o crime, a polícia encontrou uma espingarda e diversas munições. 

Foto Destaque: Carta enviada pelo filho com pedido de socorro (Crédito: Polícia Civil - MS)

Últimas