Novo Coronavírus

Minas Gerais Ação contra Samarco vai custear a compra de 420 respiradores em MG

Ação contra Samarco vai custear a compra de 420 respiradores em MG

Governador Romeu Zema (Novo) anunciou, ainda, a distribuição de mais 80 equipamentos, adquiridos por meio de parceria com o governo federal

Anúncio foi feito em coletiva virtual

Anúncio foi feito em coletiva virtual

Reprodução / Facebook

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), anunciou nesta terça-feira (16) a entrega de 500 respiradores que serão distribuídos para cidades do interior do Estado.

Desse total, 420 foram adquiridos com recursos da ação judicial movida contra a Samarco, mineradora responsável pela barragem de Fundão, em Mariana, que se rompeu em 2015, matando 19 pessoas. Os outros 80 respiradores foram garantidos por meio de uma parceria com o governo federal. 

Em abril, a Justiça Federal homologou um acordo para que a Samarco comprasse 747 respiradores no valor de R$ 43,9 milhões para serem entregues ao Estado. 

Pela 1ª vez, ocupação de leitos de UTI para covid em BH passa dos 80%

A prioridade do Governo de Minas é que as cidades que tenham estrutura para receber os equipamentos sejam as primeiras a serem contempladas. De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, também serão analisadas as regiões mais necessitadas, com maior estresse em suas redes de saúde.

Zema anunciou, ainda, a habilitação de 79 leitos de UTI, também no interior do Estado. Com esse reforço, a rede estadual de saúde passa a contar com 2.964 leitos de terapia intensiva. Em fevereiro, antes dos primeiros casos de covid-19 em Minas Gerais, eram 2.013 leitos.

Confira a lista de cidades que terão novos leitos habilitados:

- Lavras
- Itaúna
- Ipatinga
- Patrocínio
- São Sebastião do Paraíso
- Divinópolis
- Ouro Preto
- João Monlevade
- Montes Claros
- Coronel Fabriciano
- Governador Valadares
- Unaí
- Uberlândia
- Barbacena
- Teófilo Otoni
- Salinas
- Taiobeiras
- Lagoa da Prata
- Conselheiro Lafaiete. 

Últimas