Minas Gerais Ameaça escrita em poste preocupa pais e alunos de escola de BH

Ameaça escrita em poste preocupa pais e alunos de escola de BH

Texto cita os nomes da diretora e de um professor do colégio, localizado no bairro Jaqueline, e a data de 22 de fevereiro

  • Minas Gerais | Regiane Moreira, da RecordTV Minas

Poste com ameaças fica em frente à escola

Poste com ameaças fica em frente à escola

Reprodução / RecordTV Minas

Um recado deixado em um poste perto de uma escola no bairro Jaqueline, na região norte de Belo Horizonte, assustou alunos e pais. Na estrutura há uma ameaça sobre um possível ataque ao local nesta terça-feira (22).

Os alunos do turno da manhã disseram ter visto policiais militares na instituição, mas não sabiam o porquê da presença deles. Preocupadas, muitas mães foram até a escola em busca de respostas. 

“Minha filha quase desmaiou, ligou desesperada, eu custei a acalmar ela. Saí do meu serviço e vim aqui. Queremos justiça. Isso não pode acontecer”, defende Magna Cássia Barbosa, mãe de uma estudante da instituição.

No poste, consta a data de 22 de fevereiro. Não há nenhuma referência à escola, mas as pessoas da comunidade fizeram a ligação com a instituição porque no texto são mencionados o nome da diretora e o de um professor.

Rudson Paixão, líder comunitário da região, afirma que a primeira medida tomada diante das ameaças foi a notificação da Polícia Militar. “A priori nada aconteceu, são só essas insinuações, que estão, infelizmente, tirando a paz dos pais e dos alunos”, explica.

"Eu liguei para a escola, e a pessoa que me atendeu na secretaria disse que realmente houve essa notícia na escola na parte da manhã. A escola havia acionado a Polícia Civil e a Polícia Militar, que já estavam investigando, procurando câmeras na redondeza para descobrir quem escreveu no poste",  diz Ludimila Arlinda da Silva, mãe de uma aluna.

Últimas