Novo Coronavírus

Minas Gerais Associação de bares move ação por venda de bebida alcoólica em BH

Associação de bares move ação por venda de bebida alcoólica em BH

Clientes estão proibidos de consumir estes produtos dentro dos estabelecimentos na cidade; prefeitura diz que medida é para conter covid-19

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Bares questionam decisão sobre bebidas

Bares questionam decisão sobre bebidas

Reprodução / Freepik

A Abrasel (Associação de Bares e Restaurantes) de Minas Gerais acionou a Justiça contra a Prefeitura de Belo Horizonte, nesta quarta-feira (9), para suspender a decisão que proíbe o consumo de bebidas alcoólicas nos estabelecimentos.

A medida está em vigor desde a última segunda-feira (7) e foi apresentada como uma estratégia para conter a proliferação da covid-19 no Estado.

Matheus Daniel, presidente da Associação, explica que a decisão de judicializar o assunto novamente foi tomada após a Abrasel tentar negociar uma flexibilização com a prefeitura, sem ter retorno.

— Os estoques dos bares e restaurantes estavam lotados. A escala já estava feita. Confraternizações pequenas foram marcadas.

Procurada, a prefeitura informou à reportagem que ainda não foi informada sobre a ação movida pela Abrasel.

Restrições

O decreto em vigor não impede que os estabelecimentos vendam bebidas para serem consumidas em outros locais.

A nova norma, divulgada na última semana, também voltou a proibir a realização de eventos gastronômicos, espetáculos e shows.

As medidas foram determinadas após o prefeito Alexandre Kalil anunciar que iria endurecer a fiscalização na cidade, garantindo o fechamento dos comércios irregulares e até a prisão de infratores.

Últimas