Minas Gerais Ativistas protestam na porta de churrascaria em BH contra o abate de animais 

Ativistas protestam na porta de churrascaria em BH contra o abate de animais 

Grupo questiona morte de bovinos e gasto de água na produção de carnes

Ativistas protestam na porta de churrascaria em BH contra o abate de animais 

Manifestantes seguraram cartazes contra tortura animal

Manifestantes seguraram cartazes contra tortura animal

Divulgação

Um grupo de defesa dos animais se reuniu na porta de uma tradicional churrascaria no bairro União, na região nordeste de Belo Horizonte, neste domingo (25), para protestar contra o abate de bovinos, suínos, aves e peixes para consumo humano.

Os ativistas chamaram a atenção dos consumidores para a exploração dos bezerros machos que dão origem ao corte "baby beef". Os animais são confinados desde o dia em que nascem em gaiolas escuras, nas quais não conseguem se movimentar, até serem mortos com quatro meses de idade.

Segundo a churrascaria, não é vendida carne de vitela no local. A administração do Baby Beef explica que a carne servida não é de novilhos, mas um corte especial de alcatra, comprada de fornecedores que cumprem práticas legais de criação (leia nota abaixo).

Leia mais notícias de Minas Gerais no Portal R7

Saiba de onde vem a carne de baby beef ou vitela

Com faixas e palavras de ordem, o grupo pediu a conscientização das pessoas para reduzir o consumo de carne. Por sinal, em tempos de crise de abastecimento, os ativistas lembram que a pecuária é responsável por cerca de 30% do uso da água distribuída pelas companhias de saneamento.

Gabriela Vasconcelos, que ajudou a organizar a ação, afirma que os produtores de carne tratam os animais como se não fossem seres vivos.

— É uma ação pacífica de conscientização. Queremos passar informações sobre como é a produção, mostrar a crueldade por trás daquela comida. A carne de vitela é um absurdo, uma maldade e covardia com os bezerros. Eles confinam, maltratam e torturam os animais até a morte. Não há abate humanitário. Bife não dá em arvore. É uma produção é muito cruel.

Comunicado do Baby Beef:

"Devido a algumas dúvidas identificadas em relação à churrascaria Baby Beef, viemos a público reiterar que o nome não tem nenhuma relação com a venda de carne de vitela.

O Baby Beef servido na churrascaria é um corte especial de alcatra, e não uma carne proveniente de novilhos.

O Baby Beff tem compromisso com seus clientes, preza pela qualidade das carnes comercializadas e somente adquire produtos de fornecedores com boa procedência e que cumprem práticas legais de criação de animais".

 

    Access log