Balanço Geral MG Comerciantes tentam driblar decreto com venda de alimentos

Comerciantes tentam driblar decreto com venda de alimentos

Estabelecimentos passaram a incluir produtos alimentícios nas vendas para se enquadrarem no serviço essencial

Comerciantes de Belo Horizonte tentam se enquadrar no ramo alimentício para manter as portas abertas. Como só os serviços essenciais estão autorizados a funcionar na capital, eles encontram nessa alternativa um jeito de não desrespeitar o decreto da prefeitura.

Últimas