Balanço Geral MG CPI da Covid ouve empresas de ônibus de Belo Horizonte

CPI da Covid ouve empresas de ônibus de Belo Horizonte

Capital já pagou mais de R$ 200 milhões para os empresários desde o decreto que proibiu veículos com passageiros em pé

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid-19 na Câmara de Belo Horizonte ouviu, nesta quinta-feira (30), o ex presidente do sindicato que representa os donos das empresas de ônibus. A capital já pagou mais de R$ 200 milhões para os empresários desde o decreto que proibiu veículos com passageiros em pé. Mas, segundo membros da CPI, a medida nunca foi cumprida e os ônibus continuam lotados. 

Últimas