Vítimas de consórcio pedem providências a autoridades

As vítimas de um consórcio com matriz em Sete Lagoas, na região metropolitana de Belo Horizonte, se reuniram com autoridades para pedir providências. Depois que a denúncia passou a ser investigada pela Polícia Civil, a empresa fechou as portas e o dono desapareceu.